Marcieli Logo

Blog

  • Home
  • >
  • Blog
  • >
  • Fisioterapia no pós-operatório de Varizes
  • Compartilhe:

Fisioterapia no pós-operatório de Varizes

Pós-operatório de Cirurgia de Varizes

Certamente você conhece alguém que realizou cirurgia de varizes há alguns anos e precisou se afastar de suas atividades habituais e fazer repouso absoluto por 20 ou 30 dias. Também já deve ter ouvido dizer que o pós-operatório foi difícil, doloroso e que os hematomas eram grandes e demoraram muito para desaparecer. Pior, que o curativo era incômodo, quente e não permitia um banho adequado.

Felizmente tanto as técnicas cirúrgicas quanto os tratamentos pós-operatórios evoluíram muito na última década e hoje o paciente já pode receber alta no mesmo dia em que foi operado e pode retornar as suas atividades, inclusive as esportivas, num prazo muito curto.

As técnicas cirúrgicas mais modernas reduziram as incisões (cortes) e permitem que o tratamento das safenas doentes seja feito através de punções ou pequenos cortes quando utilizamos a termoablação como opção terapêutica (radiofrequência ou laser endovenoso). Para tratar aqueles ramos aparentes (as varizes propriamente ditas) utilizamos microincisões que não necessitam nem pontos para seu fechamento. Isso permite que o trauma cirúrgico, ou seja, o “dano” que o procedimento cirúrgico gera nos tecidos seja muito menor, já contribuindo para que a recuperação seja mais rápida e indolor.

Aquele curativo antigo que consistia no enfaixamento das pernas em várias camadas de atadura e algodão, tornando difícil a higiene e a mobilização, foi substituído por meias específicas para a recuperação da cirurgia de varizes. Essas meias são colocadas ainda no centro cirúrgico com calçadores especiais e têm a vantagem de manter o curativo protegido e facilitar o dia a dia do paciente logo após a cirurgia.

A meia em questão mantém uma compressão adequada necessária a recuperação ao mesmo tempo que permite o banho normalmente pois é feita de tecido impermeável, podendo ser mantida durante a higiene habitual. Ainda tem a vantagem de ter uma camada única, não retendo calor como as faixas que utilizávamos anteriormente para fazer o curativo.

Fisioterapia no Pós-operatório de Cirurgia de Varizes

Paralelamente a essa modernização, contamos também com a evolução constante da fisioterapia no pós-operatório. As técnicas recentes permitem menos edema (inchaço), dor e formação de hematomas e equimoses (manchas roxas).

A fisioterapia também permite o tratamento das fibroses, alteração comum e normal no processo de cicatrização dos tecidos mas que pode causar dor e irregularidades na pele, comprometendo inclusive o resultado estético da cirurgia.

Anteriormente, dispúnhamos somente da drenagem linfática como opção terapêutica nesta fase após a cirurgia de varizes. Assim como em outras áreas cirúrgicas, mais comumente na cirurgia plástica, os pacientes da cirurgia vascular têm se beneficiado com a evolução da fisioterapia. Os pacientes apresentam uma melhora mais precoce e raramente se incomodam com dor ou inchaço. Este benefício acaba se traduzindo em ganho de tempo e qualidade de vida, questões muito importantes no dia a dia da vida moderna.

Atualmente, o retorno ao trabalho ocorre de 3 a 7 dias após o procedimento e a retomada das atividades físicas numa média de 2 semanas. A evolução e o tempo de melhora também dependem da condição clínica pré-operatória do paciente, ou seja, pacientes que possuem uma maior quantidade e um volume/calibre maior de varizes poderão necessitar de um tempo maior de recuperação.

Nossa equipe conta com o trabalho especializado da Dra. Marcieli Martins, que em alguns casos já se inicia no pós-operatório imediato, ainda no centro cirúrgico. A técnica utilizada não só alivia os sintomas comuns a essa fase (dor, inchaço e hematomas) como também previne a formação das fibroses, permitindo um pós-operatório mais indolor, com melhor resultado e devolvendo o paciente mais precocemente as suas atividades.


Dra. Denise Xavier

Cirurgiã Vascular

Ecografista Vascular

Comentários

  • Compartilhe: