Marcieli Logo

Blog

  • Home
  • >
  • Blog
  • >
  • Fisioterapia no Pré-operatório de Cirurgia Plástica
  • Compartilhe:

Fisioterapia no Pré-operatório de Cirurgia Plástica

“Organize sua Cirurgia Plástica: Entenda as etapas, e evite surpresas, inicie pelo pré-operatório”

A atuação do fisioterapeuta no pré-operatório embora seja pouco explorada, pode ser um enorme diferencial da atuação fisioterapêutica em Cirurgias Plásticas.

O conhecimento sobre as consequências de um procedimento cirúrgico, nos permite minimizar ou neutralizar o risco, possibilita ao paciente melhora na consciência sobre o processo cirúrgico e a reabilitação.

A Fisioterapia Dermatofuncional fundamentada em conceitos científicos sólidos muito tem contribuído tanto no pré quanto no pós-operatório, prevenindo e/ou tratando as respostas advindas das intervenções cirúrgicas, possibilitando ainda a diminuição da ansiedade pós-operatória, edemas recorrentes do trauma cirúrgico, fibroses e cicatrizes.

Entretanto, a eficiência de uma cirurgia não depende somente do seu planejamento cirúrgico, mas também da intervenção e cuidados pré, intra e pós operatórios, o que tem demonstrado fator preventivo de possíveis complicações e promoção de um resultado satisfatório, fomentando o envolvimento e atuação interdisciplinar.  O ato cirúrgico constitui uma agressão tecidual que, mesmo bem direcionado, pode prejudicar a funcionalidade destes tecidos.

O atendimento fisioterapêutico pré-operatório da cirurgia plástica possibilita ao profissional o acesso prévio a este paciente podendo desta forma detectar possíveis disfunções de caráter físico funcional que poderiam acarretar em atraso na reabilitação do mesmo, ou ainda permite que neste momento o fisioterapeuta encoraje o paciente ao retorno as suas atividades de vida diária de maneira orientada e segura.

Sabe-se que a cinesiofobia não é incomum, assim como a mobilidade músculo esquelética se faz importante no processo de reparo, portanto as teorias de imobilidade no pós-operatório não se fazem atuais e precisam ser esclarecidas ao paciente.

A consulta pré-operatória pode ser um veículo importante para que se oportunize ao paciente possíveis abordagens prévias a cirurgia, a exemplo do preparo da pele e ou higienização profunda antecedente a uma rinoplastia. Cirurgia esta que dificulta a mobilização e ou extração de comedões nos próximos 60 a 90 dias.

Da mesma forma a abordagem cardiopulmonar a pacientes com história pregressa de doenças pulmonares e ou restritivas se faz importante também neste momento prévio.

Porém se você não tem historia pregressa, na consulta pré operatória seu fisioterapeuta pode traçar objetivos importantes a exemplo de prevenir quadro de atelectasia e embolia pulmonar, além de diminuir o uso de musculatura acessória contribuindo para uma melhora na postura cifótica e cansaço associado ao pós-operatório.

Por fim, percebe-se que quanto mais orientado e seguro o paciente estiver sobre o processo cirúrgico e pós-cirúrgico, melhor será a condução do mesmo pelos profissionais da equipe.

Vai operar?

Decidiu a data?

  • Agende sua consulta pré-operatória com o FISIOTERAPEUTA, dessa forma, você terá um planejamento seguro de todas as etapas que envolvem sua cirurgia.

SEJA FELIZ COM SUA CIRURGIA E OS RESULTADOS QUE ELA LHE TRARÁ!


Drª Karina Ferreira

Crefito 59413

Especialista em Fisioterapia Dermatofuncional

Mestre em Ciências da Saúde

 

Comentários

  • Compartilhe: